MATA ROMA: Conheça o descrédito e as condenações do instituto DATA M, condenado pela justiça por pesquisa considerada irregular.

Conheça o descrédito do Instituto de pesquisa DATA M, responsável por divulgar pesquisa Eleitoral considerada irregular na cidade de  Mata Roma. 

A própria Justiça Eleitoral da 42ª Zona,  já havia considerada irregularidade na pesquisa Data M, contratada pela então TV Difusora de São Luís e que estava prevista para ser divulgada no último dia 27 em Mata Roma, e  justiça suspendeu a divulgação. 

Na ação judicial foram juntadas muitas provas de que antes de saírem os resultados a pesquisa que foi considerada irregular já estava sendo divulgada. Mostrando assim o descrédito do Instituto DATA M. 

A justiça estipulou ainda Multa em caso de descumprimento.

Em caso de descumprimento da liminar concedida, a aplicação da multa diária, seria de R$ 2.000,00 (dois mil reais), com fundamento no art. 297, do Código de Processo Civil. 

Mas não para por ai, basta dá uma olhada nos meios de comunicação para saber para encontrar várias denúncias contra o instituto DATA  M, entre elas, condenações por divulgar pesquisas eleitorais irregulares.

A pesquisa é tão mal feita que até o nome do candidato que supostamente liderar a intenção é escrito de Forma errada, BASALIEL.    

Click nos links abaixo e conheça as condenações do Instituto DATA M. 

Juiz impugnou pesquisa do Instituto DATA M, o mesmo que registrou a última pesquisa de Bruno Silva

Justiça condena Instituto Data M por pesquisa irregular

Instituto Data M é desmoralizado após eleição

Justiça Eleitoral Condena instituto DATA M por pesquisa irregular