COVID-19: PREFEITO MAGNO DETERMINA SUSPENSÃO DE PAGAMENTO DE CONSIGNADOS DE SERVIDORES

Atendendo pedidos dos servidores municipais e tendo por base leis nacionais e estaduais recentemente aprovadas, o prefeito Magno Bacelar determinou a suspensão de parcelas de empréstimo de crédito consignado descontado em folha de pagamento, enquanto durar o decreto de estado de emergência relativo ao enfrentamento da pandemia da covid-19.

A decisão visa minimizar as dificuldades financeiras da crise gerada pela pandemia. “Nós sabemos que os servidores não tiveram perdas salariais, mas o impacto da crise econômica atingiu muitas famílias. Filhos perderam o emprego ou tiveram o salário reduzido, famílias estão com negócios prejudicados e a vida ficou mais difícil pra todo mundo. Por isso o adiamento pode beneficiar os aposentados, os pensionistas e todos os servidores públicos neste momento de dificuldade”, disse o prefeito Magno Bacelar.

O adiamento inclui automaticamente todos os servidores ativos e inativos que têm descontos em folha, mas os funcionários públicos que preferirem manter os pagamentos deverão procurar a secretaria de administração para formalizar tal opção.