MATERNIDADE MUNICIPAL DR. SEBASTIÃO PINHEIRO, UM MARCO PARA CHAPADINHA

Depois de quatro anos sem maternidade pública, o município de Chapadinha inaugurou a Maternidade Dr. Sebastião Pinheiro em 29 de março de 2017. De lá para cá a unidade vem se destacando como um dos melhores e mais importantes serviços prestados pela administração à população.

As novas mamães e seus bebês tem a disposição quase uma centena de funcionários dedicados nos mínimos detalhes para que os novos chapadinhenses cheguem ao mundo com todo o carinho e saúde possíveis. São 4 médicos obstetras, 1 médica pediatra neonatologista, 8 enfermeiros, 39 técnicos de enfermagem, 41 cargos administrativos além de dois anestesistas trabalhando em turnos para que não falte atenção nas 24h do dia, nos 7 dias da semana e nos 10 meses em que a maternidade tem funcionado.

Ainda ficam à disposição outras três técnicas de enfermagem no serviço de transferência de pacientes para São Luís quando necessário em casos específicos, e isto tem ocorrido com uma média de 10 transferências mensais entre recém-nascidos e gestantes.
Durante o ano de 2017 a maternidade realizou 1633 atendimentos, sendo 602 partos normais e 680 cesarianas. Houve ainda 159 curetagens, 137 internações neonatais, 25 atendimentos clínicos, 16 extrações de trompas de falópio e 14 casos de gravidezes ectópicas.

A diretora da Maternidade Tedy Aragão fala do orgulho do trabalho que vem sendo realizado. “Atendemos grávidas de várias cidades, até de fora da nossa regional de saúde, porque as mães saem daqui felizes com o serviço. É com muita satisfação que olhamos o desempenho que temos tido”, afirma.


A Maternidade completará seu primeiro aniversário no dia que Chapadinha vai comemorar seus 80 anos de emancipação política, mas todo dia é dia de comemoração para funcionários, mães, pais e recém-nascidos.


Fonte: SECOM