Aos 86 anos, Renato Aragão leva golpe e perde R$ 3 milhões. Entenda


Entretenimento 

O eterno Trapalhão registrou boletim de ocorrência contra ex-funcionário que falsificou sua assinatura, afirma programa de TV. 

Ícone da televisão da brasileira, o humorista Renato Aragão registrou um boletim de ocorrência e entrou na Justiça contra um ex-funcionário de sua empresa. De acordo com informações do programa A Tarde é Sua, da RedeTV!, o eterno Didi teria notado um desvio que pode chegar a R$ 3 milhões. 


Segundo o jornalista Alessandro Lo-Bianco, o funcionário teria utilizado cheques assinados com assinaturas falsificadas. Os valores foram retirados das contas bancárias de Aragão. Também teriam sido falsificadas as assinaturas de Lilian Aragão, esposa do comediante. Além de processar o ex-funcionário, Renato Aragão também entrou com uma ação contra o banco que permitiu os saques. 


“Você não pode confiar nas pessoas nesse mundo que a gente vive hoje. Ele não merecia passar pelo que está passando. E o golpe é emocional, é uma coisa muito séria”, afirmou a apresentadora Sonia Abrão, ao vivo, durante o programa.