Chapadinha: TSE inocenta Belezinha e Aluízio Santos da acusação de compra de votos

O ministro Alexandre de Moraes rejeitou as acusações, entendimento que foi seguido por todos os colegas da corte.


O processo movido pela coligação do ex-prefeito de Chapadinha, Magno Bacelar, durante o processo eleitoral de 2016 chegou a corte do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), onde foi rejeitado por unanimidade.

O ministro Alexandre de Moraes foi quem julgou os agravos apresentados pela coligação de Magno. Moraes rejeitou as acusações, entendimento que foi seguido por todos os colegas da corte. 

Com isso, o sonho de atribuir qualquer tipo de inelegibilidade a atual prefeita Belezinha de Chapadinha e ao secretário municipal de articulação política, Aluízio Santos, cujo o nome ecoa como forte candidato ao legislativo estadual, é por completo enterrado. 

Decisão



Via: portaljg