Secretaria de Cultura já concluiu o pagamento da Lei Aldir Blanc beneficiando a cultura de Araioses; artistas em geral foram beneficiados

O município de Araioses, através da Secretaria Municipal de Cultura, que tem a frente a Secretária Marília Gonçalves, concluiu o repasse para artistas, artesãos, bem como os grupos culturais que foram contemplados com auxílio emergencial da Lei Aldir Blanc. A Secretária de Cultura, Marília Gonçalves, fez uma intensa mobilização para garantir que o recurso fosse destinado diretamente à cultura araiosense.

A iniciativa tem o objetivo de ajudar artistas da terra e grupo culturais que perderam renda em razão da crise provocada pela pandemia do coronavírus. A Lei prevê repasses a serem aplicados em renda emergencial para profissionais de arte e cultura.

“É muito importante ressaltar o trabalho realizado pela nossa Secretária de Cultura Marília Gonçalves que se reuniu com a gente trouxe profissionais para explicar os projetos, nos inscrevemos e hoje fomos contemplados. Só temos a agradecer pelo empenho em ajudar nós que somos artistas da terra”, disse um dos artistas beneficiados.

“Temos artistas altamente capacitados que merecem total apoio, incentivo e reconhecimento. Durante a pandemia, o setor de eventos foi e ainda está sendo um dos mais prejudicados. Dessa forma prejudicando diretamente na renda de tantas pessoas e famílias. A Lei Aldir Blanc é uma medida que vai auxiliar nossos artistas, artesãos, grupos culturais, entre outros, durante esse período que precisamos combater a Covid-19. Estou orgulhosa pelo fato de nossa cidade ter sido uma das primeiras da região a beneficiar os contemplados”, declarou a Secretária Marília Gonçalves.

 

O nome da lei foi dado em homenagem ao compositor Aldir Blanc, vítima da Covid-19. Ele faleceu no Rio de Janeiro, em maio, aos 73 anos. Referência na Música Popular Brasileira, Blanc teve algumas de suas composições imortalizadas na voz de Elis Regina como “O Bêbado e a Equilibrista”.

 

Abaixo algum dos artistas beneficiados: