Prefeita de Urbano Santos, Iracema Vale, explica obra Federal no Município

A população de São Benedito teria feito uma manifestação contra a obra do Minha Casa Minha Vida.

(Do Imirante.com)

Na manhã desta segunda-feira (8), a Prefeita de Urbano Santos, Iracema Vale, em entrevista a Jorge Aragão, no programa Ponto Final, da Rádio Mirante AM, explicou a situação que causou protestos na cidade de São Benedito. De acordo com a chefe do executivo de Urbano Santos, há 7 anos está sendo realizada uma obra do Minha Casa Minha Vida, que está em fase de conclusão. Nesta última etapa, a empresa responsável, está construindo um sistema de tratamento de esgoto, e isso teria sido o motivo da manifestação.

"Em Urbano Santos existe uma obra do Minha Casa Minha Vida, uma obra federal que dura mais de 7 anos e que está em fase conclusão, tá com 80% a 90% já aliviada a obra. É uma obra necessária, que é para a nossa população que precisa de habitação, que delongou por esse tempo por conta de várias mudanças de presidente. E a obra vem dando continuidade, devagar, mas nunca foi paralisada. Uma obra regular, com todas as licenças ambientais, de ocupação de solo, todas as licenças necessárias. É uma obra executada pelo Ministério das Cidades. Quem faz o pagamento da obra é o Banco do Brasil, quem contratou e licitou a empresa foi o Banco do Brasil, a empresa é a Lastro. A obra está andando", explicou Iracema Vale.

A Prefeita explicou a estação de tratamento de esgoto é uma exigência para que a obra seja entregue à população.

"Agora o impasse é porque está na fase de finalização e é exigência dos órgãos ambientais que haja uma estação de tratamento de esgoto e ela está em fase de construção. Uma parte da população ainda não compreendeu que é melhor para o meio ambiente, segundo os técnicos que fizeram o projeto, apresentaram para o Ministério Público, para a prefeitura. A nossa função aqui na prefeitura é cadastrar as famílias necessitadas e enviar ao banco para fazer o sorteio e futuramente entregar", disse.

Iracema esclarece que a população de São Benedito ainda está com dificuldade para aceitar a instalação do sistema, por acreditar que o esgoto será jogado no rio.

"Urbano Santos, São Benedito e Belágua, são cidades que praticamento o saneamento básico é zero com relação a esgoto, eles não aceitam muito bem a questão de uma estação de tratamento de esgoto. Até que Urbano Santos já compreendeu, agora São Bendito ainda tá com dificuldade de compreensão disso, eles acreditam que a água vai direto para o rio a céu aberto. Não Existe isso! ", acrescentou. 


 (CLICK AQUI E OUÇA A ENTREVISTA COMPLETA)