PRIMEIRO PACIENTE COM COVID-19 DE CHAPADINHA TEM 24 ANOS, TRABALHAVA EM OUTRO ESTADO E APRESENTA SINTOMAS LEVES


A diretora da Vigilância Epidemiológica de Chapadinha, Valnice Menezes, divulgou mais informações sobre os casos suspeitos e esclareceu a situação do paciente que testou positivo para covid-19 em Chapadinha.

Segundo ela, o caso confirmado de coronavírus é de um jovem chapadinhense de 24 anos, sexo masculino, que estava trabalhando em outro estado. Ele não apresenta os sintomas graves da doença, está em isolamento e as pessoas que mantiveram contado com ele também estão em observação. “Por diagnóstico laboratorial, pelo método PCR, foi confirmado que um Jovem de 24 anos, regresso de outro estado é o primeiro registro de covid-19 em Chapadinha”, disse.  “Ele apresenta sintomatologia leve como febre, tosse seca e coriza e está isolado e acompanhado pelo equipe da secretaria de saúde”, completou Valnice. 

A diretora também relatou como o caso foi detectado pelas autoridades da saúde e detalhou informes sobre outras ocorrências com suspeitos. “Ele foi identificado por meio de informe chegado à equipe de saúde e foi logo isolado e monitorado. E vai permanecer acompanhado assim até a total cura clínica. Hoje ele já apresenta o que consideramos regressão espontânea dos sintomas e está em fase de cumprimento do período de isolamento, que significa que em breve não representará mais perigo de transmissão. As pessoas que o paciente informou terem mantido contato estão todos em observação, assim como ele e todas as pessoas da residência”, explicou a responsável pela vigilância epidemiológica. 

Ainda de acordo com Valnice Menezes, dos que foram indicados como suspeitos, “quatro já foram descartados por não haver apresentado sintomas clínicos e por resultado negativo de exames laboratoriais. Há outros 4 casos ainda sem desfecho e aguardando resultado de exames. Destes temos três plenamente recuperados, mas ainda dentro período de quarentena e um paciente apresentando sintomas leves”, declarou.

Para Valnice, os trabalhos de enfrentamento da covid-19 estão seguindo a risca o plano de contingência municipal e todos os protocolos internacionalmente recomendados. “Reforçamos as medidas de precauções: higienização periódica das mãos com água e sabão ou álcool a 70%, isolamento social e caso seja necessário sair de casa manter distanciamento e usar adequadamente máscara”, finalizou aconselhando.