Executivo sanciona lei do projeto de lei de autoria do vereador Luis Barbeiro que institui o dia Municipal de resistência e luta das comunidades tradicionais quilombolas de Chapadinha.

Vereador Luis Barbeiro (PT), Chapadinha.
Por Alexandre Cunha 
O Prefeito Magno Bacelar sancionou o projeto de lei de autoria do vereador Luís Babeiro que “Instituiu o dia Municipal de resistência e luta das comunidades tradicionais quilombolas e dá outras providencias” no município de Chapadinha.

Foi sancionado pelo prefeito Magno Bacelar o projeto de lei de Nº 15/2018, de autoria do vereador Luís Babeiro (PT) que “Instituiu o dia 20 de setembro, dia Municipal de resistência e luta das comunidades tradicionais quilombolas e dá outras providencias” no município de Chapadinha. 

O projeto foi aprovado pela Câmara Municipal e sancionado em 17 de setembro pelo prefeito Magno Bacelar. O autor do projeto, Vereador Luís Barbeiro (PT) relata que o mesmo tem objetivo de Tornar Público à história do grande líder que se destacou no século XIX, “Cosme Bento das Chagas”, popularmente conhecido como “Negro Cosme”, líder de resistência do escravismo e da discriminação racial, além de ter sido um dos lideres da Balaiada, e fundador da fazenda Tocanguira, maior quilombo da história do Maranhão, localizada no Povoado Lagoa Amarela, munícipio de Chapadinha. Também foi o fundador da primeira escola de caráter democrática no Maranhão, onde ele aproveitava para abordar assuntos á população quilombola.

Em entrevista o parlamentar cometa mais sobre o assunto, veja no vídeo.