MAIS SEGURANÇA:PARCERIA ENTRE 16º BPM E SECRETARIA DE EDUCAÇÃO VIABILIZA PROJETO RONDA ESCOLAR EM CHAPADINHA

Foi lançado em uma solenidade que aconteceu hoje (13) pela manhã no auditório do 16º Batalhão da Polícia Militar o projeto Ronda Escolar. O evento contou com a presença de várias autoridades do município. 

O projeto Ronda Escolar tem como objetivo levar segurança a estudantes e professores e ajudar a estabelecer uma relação mais amistosa dos estudantes entre si e com os professores.

Chapadinha já chega próximo a 100 mil habitantes e a presença constante dos policiais militares pode auxiliar os diretores de escolas na gestão e manutenção da ordem e disciplina.
Na análise do tenente-coronel Ijosenaldo Silva, o projeto Ronda Escolar vem somar esforços juntamente com outros existentes no município como o Programa Educacional de Resistência às Drogas - Proerd e o Grupo de Patrulhamento Escolar - GPE (realizado pela Guarda Civil Municipal). “Essa parceria entre instituições de segurança pública, conselhos, Secretaria de Educação, Prefeitura municipal e autoridades eclesiásticas é de fundamental importância para o sucesso do nosso trabalho”, afirmou. 
O Coronel Glauber Miranda destacou que a ideia do projeto é afastar o tráfico de drogas das escolas, bem como prevenir que alunos sejam utilizados ou cooptados para a criminalidade. Por meio do projeto Ronda Escolar policiais capacitados poderão conversar com os alunos, também promover encontros com os pais para falar, entre outros temas, da importância do acompanhamento da vida escolar de seus filhos.

Glauber Miranda observa que o projeto dispõe de um número de telefone: (98) 99126-8903 pelo qual os policiais, diretores e professores interagem.

“Nós que compomos o quadro da educação do munícipio de Chapadinha nos sentimos felizes por mais essa iniciativa da Policia Militar de Chapadinha em nos dar apoio para que possamos nos sentir mais seguros em nossos locais de trabalho. Obtivemos o apoio da Guarda Municipal em 2017 e com esse reforço do ‘Ronda Escolar’ a comunidade só tem a ganhar e a Prefeitura juntamente com a SEMED farão todo o possível para dar o suporte necessário para que juntos tenhamos êxito na realização desse projeto”, afirmou Secretária de Educação professora Vânia Cristina.
Fonte: Secom